quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Resposta Teológica - DEUS OU SATANÁS?

...Então vamos à resposta do enigma bíblico da postagem anterior.

1 Crônicas 21:1 - "Então Satanás se levantou contra Israel, e incitou Davi a numerar Israel."

2 Samuel 24:1 - "A ira do Senhor tornou a acender-se contra Israel, e o Senhor incitou a Davi contra eles, dizendo: Vai, numera a Israel e a Judá."

Uma análise isolada destes textos do Antigo Testamento pode nos fazer chegar a algumas conclusões equivocadas e catastróficas a respeito da pessoa de Deus:

1- Pode pôr em dúvida a confiabilidade das Escrituras, já que nota-se claramente uma “CONTRADIÇÃO” entre o que foi dito em II Samuel (que a Ira de Deus incitou Davi a realizar um censo) e em I Crônicas (que não Deus, mas Satanás incitou a Davi a recensear Israel). Uma vez que não se pode confiar na inerrância das Palavras de Deus, como confiar no próprio Deus?

2- Pressupondo-se que ambas as passagens estão corretas, já que Deus não pode mentir, chega-se a outro problema: CONCLUI-SE QUE DEUS E O DIABO SÃO A MESMA PESSOA!!! Ora, se uma passagem diz que Deus incitou Davi, e na outra diz que foi o Diabo, e se pressupõe que não há erro e nem contradição entre elas, o primeiro pensamento que vem a uma mente descuidada é este, que só vai arruinar inteiramente TUDO que a Bíblia diz sobre Deus. (Imagine aí: não seria mais uma Trindade, seria agora o Pai, o Filho, o Espírito Santo e Satanás!!!)
Completamente impensável: só resolveria superficialmente o problema da “contradição” e criaria uma série de questões infinitamente piores. Se existir algum doido varrido que acreditar nisso, ele pode jogar fora sua Bíblia e virar ateu!!!

3- Em 2 Samuel 24:1 diz que “o Senhor incitou a Davi”. Mas se a Bíblia fala que “(...) ele [Deus] a ninguém tenta.” Tg 1:13d ? Estaria aí mais uma “CONTRADIÇÃO”?

RESPOSTA:
Primeiramente é preciso deixar claro que não se pode analisar uma determinada passagem isoladamente. “Texto fora do contexto só serve de pretexto para HERESIAS.” Gosto muito dessa frase que aprendi com o meu pastor e ela resume perfeitamente o que estou querendo dizer. 99,9% das respostas para tais “contradições” encontram-se no contexto em que as passagens estão inscritas e não necessariamente na passagem. É o caso desta indagação.

Análise do Contexto:
Analisando as duas passagens em conjunto, vê-se que elas não se contadizem, mas que uma complementa a outra.

Davi estava em dúvida a respeito da promessa de Deus (de que Israel se tornaria uma grande nação). Deus se ira com essa dúvida de Davi e permite que Satanás incite Davi a fazer o censo. Deus dirigiu todos os acontecimentos, deixando que Davi realizasse o que a inclinação pecaminosa do seu coração o conduzia a fazer. Satanás só pode agir com o aval de Deus e, nesse caso, Deus deu-lhe a permissão, pois Davi precisava aprender a confiar em Deus e na realização das Suas promessas.
O mesmo ocorre na conhecida história de Jó, na qual Deus também permitiu que Satanás agisse sobre a vida do Seu filho. Deus jamais tentou alguém. Na passagem fala que Ele incitou Davi.

Incitar significa: estimular, instigar, exortar, encorajar.

Deus não foi a causa do pecado de Davi. Deus apenas deu uma ordem a Davi através de Satanás. Deus pode usar quem ele quiser para nos dar uma lição. Nesse caso Ele usou Satanás, que foi o agente imediato da incitação e Deus foi o agente autorizador da incitação. Claro, não vamos nos esquecer que tudo isso que Deus fez foi para que o Seu nome fosse glorificado, e que todos vissem que Ele é um Deus que merece confiança.
Bom, acho que isso responde às 3 questões.


1- NÃO HÁ CONTRADIÇÃO nenhuma, mas há complementação de idéias.

2- DEUS E O DIABO NÃO SÃO A MESMA PESSOA. Os dois aparecem na história como pessoas distintas, e cada um realiza ações diferentes. Então, não precisa jogar sua Bíblia fora!

3- DEUS NÃO TENTOU Davi e nem a ninguém.

E aí, respondi à sua pergunta?

Em Cristo,
Débora Silva Costa

5 comentários:

  1. Oi Débora, Pedro e Emerson,

    Muito obrigado pela visita lá no eclesia. Serão sempre bem-vindos por lá.

    Gostei muito do blog de vcs.
    Gostei muito deste artigo.
    É preciso que sejamos sempre prontos a estudar e analisar as Escrituras se quisermos crescer na graça e no conhecimento de Deus.

    Que Deus continue abençoando vcs nessa empreitada.
    Seja bem-vindos ao mundo da blogosfera.

    Um grande abraço;
    Em Cristo nosso Senhor;
    Marcelo.

    ResponderExcluir
  2. Marcelo,
    Quem bom tê-lo aqui!!! Muito obrigado pela visita, por nos seguir e pelo primeiro comentário no Blog Fé e Razão. Também gostamos muito do seu blog!!!
    Sinta-se à vontade para opinar, será um prazer.

    Em Cristo,
    Débora Silva Costa
    http://ferazao-bang.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. OLÁ PEDRO, DÉBORA E PATRICK,
    GOSTEI DO BLOG DE VOCÊS JÁ SEU SEGUIDOR E GOSTARIA QUE VISITASSE MEU BLOG E ME SEGUISSE TAMBÉM
    TE ESPERO LÁ
    EM CRISTO ALEXANDRO

    ResponderExcluir
  4. OLÁ DEBORA, PEDRO E PATRICK
    VISITEI O BLOG DE VOCÊS E GOSTEI
    SEI Q É UM POUCO DIFICIL MAS A GENTE CONSEGUE ORGANIZAR AO POUCOS O BOLG CONTO COM VOCES PARA SEREM MEU SEGUIDOR
    EM CRISTO
    ALEXANDRO

    ResponderExcluir
  5. Alexandro,
    Obrigada! Gostamos muito do seu blog também e já estamos te seguindo!
    É realmente difífil manter um blog em atividade, mas "Deus é o que opera em vós tanto o querer como o efetuar, segundo a sua boa vontade." Fp 2:13

    Em Cristo,
    Débora Silva Costa
    http://ferazao-bang.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não necessariamente refletem a opinião dos autores dos textos ou do blog. Não serão aceitos comentários anônimos, por favor, identifique-se.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...