quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Se eu fosse uma crente “Frankenstein”

Hoje é o primeiro dia de 2014 e, como todas as viradas de ano, a gente sempre aproveita a oportunidade para fazer mudanças. Pois é, e até eu que neste ano nem queria prometer nada, acabei fazendo uma resolução: vou ressuscitar o meu blog. Já faz quase um ano inteiro que não posto nada aqui, o que revela muito de como está minha vida espiritual: abandonada, improdutiva e quase morta. Prometi sim, mas na mesma hora percebi a dificuldade da tarefa, vieram a preguiça, a falta de assunto, o sentimento de incapacidade, e pensei mais uma vez em adiar a ideia.

Mais foi no meio da arrumação da bagunça do meu quarto (mais uma resolução de 2014), jogando fora alguns papéis inúteis, que acabei encontrando um rascunho que fiz há muitos meses. Aquelas palavras foram escritas no meio de um período de insatisfação espiritual e revelam o meu desejo de ser melhor. Mesmo tendo sido escritas há algum tempo, elas ainda descrevem muito bem o que sinto e como estou no dia de hoje.

Diz assim: “A crente ‘Frankenstein’ que eu quero ser...”
Eu sei, Frankenstein não é o nome daquela criatura medonha, mas sim do seu criador louco. Mas me refiro aqui à ideia da (re)criação: “E se eu pudesse ser recriada, não de uma vez e por inteiro, mas feita de pequenos pedacinhos costurados um ao outro? Como eu gostaria de me parecer? De onde eu gostaria que fosse tirado cada pedacinho do meu ser?”

Escrevi sobre características que admiro e que desejo ter na minha vida, e que encontrei na vida dos cristãos ao meu redor. Embora estas pessoas também não sejam perfeitas e ainda tenham muito que melhorar, mas cada uma pra mim tem sido um exemplo em alguma área específica e possui pelo menos uma importante qualidade de um verdadeiro cristão. Geralmente as pessoas (inclusive eu) só gostam de criticar e ver defeitos, porque não observar as qualidades? 

A lista é grande... (em construção)
O compromisso com Deus da irmã Nilza.
A simpatia de Francineudo e Jucilane.
A coragem e ousadia do irmão Pinheiro.
A sabedoria e oratória de Misael.
O sentimento de justiça do irmão Ivo.
A dedicação à família da irmã Célia.
A virtude de Aline.
A oração fervorosa de Zélia.
A dedicação ao serviço cristão do irmão Chagas.
A paciência de Késia.
O cuidado de Higor.
A generosidade de Guilherme.
A lealdade de Thaís.
A animação de Yuna.
A liderança de Curió.
Os conselhos sábios de Ivone.
A sinceridade de Talyta.
A alegria sincera de Rosiane.
A firmeza de Brenda.
A fé inabalável de Camila Arrais.
A paixão pelo conhecimento de Avelar Júnior.
Os talentos de Gean.
A obediência de Matheus.
O carinho em servir do irmão Iralton.
O bom humor de Sheba.
A inocência do irmão José.
A força espiritual da irmã Maria.
A entrega total do missionário Fábio Brito.
O casamento feliz de Chagas e Suzana.
O amor às crianças de Jucyenne.
A meiguice de Ana Fabrícia.
A doçura de Raniele.
A emoção de Astéria.
A paz de espírito de Rayana.
A disposição de Filipe.
A pureza de Jennifer.
A vontade de evangelizar de Sarinha.
A vontade de aprender de Danrley.
A sensibilidade poética de Pedro Virgínio.
O dom de ensinar de Rose.
O primeiro amor de Márcia.
A simplicidade do irmão Deca.
O amor às Escrituras do Pastor Ernandes.
A inteligência do Pastor Michel.
O amor ao próximo de Dona Emília.
A beleza espiritual de Abigail.
A devoção de Pedro Gomes.
A humildade de Amanda Salustiano.
A piedade do meu pai.
A submissão da minha mãe.
A comunhão com Deus do meu irmão.
O CARÁTER DE CRISTO.
... e nada de mim.

“Que ele cresça e que eu diminua.” João 3:30


"Por isso que o modelo é Cristo. Devemos querer ser como Cristo, então como membros do corpo dele, cada um tem uma qualidade que pertence a ele. Não dá pra ter tudo estando só, mas como membros uns dos outros, somos um só com Cristo." (acréscimo de Aline Brito)



"Porque assim como em um corpo temos muitos membros, e nem todos os membros têm a mesma operação, assim nós, que somos muitos, somos um só corpo em Cristo, mas individualmente somos membros uns dos outros. De modo que temos diferentes dons, segundo a graça que nos é dada."

Romanos 12:4-6



Em Cristo,
Débora Silva Costa.

2 comentários:

  1. Débora Costa (vulgo: ovelhinha) que lindo texto e que ótimo incentivo a todos os que de fato amam ao Senhor Jesus Cristo!
    Que em 2014 estas palavras sejam verdadeiras em sua vida e na daqueles que assim como eu leiam seu texto e se sintam inspirados a praticá-los.
    Deus te abençoe!

    Seu amigo, Pr. Michel C. Borges

    ResponderExcluir
  2. Lindo texto Débora. Deus te abençoe e que em 2014 eu consiga também ver e colocar em prática as qualidades dos irmãos a minha volta. Abraços

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não necessariamente refletem a opinião dos autores dos textos ou do blog. Não serão aceitos comentários anônimos, por favor, identifique-se.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...